Nosso objetivo é apresentar a empresa JANINHO AUTO-PEÇAS e principalmente oferecer aos clientes várias peças de nosso estoque, de diversos modelos de veículos, principalmente peças que já não são fáceis de serem encontradas.

Visualizações de Conteúdo : 37549
272924
visitas
 
 

Como economizar combustível

  • Mantenha os pneus corretamente calibrados
    Parece um detalhe, mas manter seus pneus calibrados pode melhorar – e muito – o consumo de seu carro. A pressão deve ser conferida, no mínimo, a cada 15 dias, sendo o ideal uma verificação mensal. A pressão correta está indicada no manual do proprietário, em um adesivo na coluna B do lado esquerdo ou em um adesivo no bocal de combustível. Um detalhe importante: a calibragem deve ser feita com o pneu frio, logo após o veículo sair da garagem. Após alguns quilômetros, o ar dentro do pneu esquenta, aumentando a pressão interna e interferindo na medição.
  • Abuse do câmbio
    Quanto mais elevada a rotação do motor, mais combustível ele gasta. Por isso, não tenha receio em trocar as marchas abaixo dos 3 mil rpm. Em veículos com o câmbio curto, como hatches 1.0, é possível engatar a 5º marcha a 50 km/h, abaixando a rotação do motor e melhorando o consumo. Em terrenos planos e com o carro vazio, é possível também “pular” as marchas, passando da terceira para a quinta, por exemplo.
  • Na descida, freio motor
    Entrou em uma descida longa? Reduza a marcha. Deixar o carro descer uma ladeira em 3º marcha a 50 km/h não significa que você esteja gastando combustível ou judiando do motor. Em todos os modelos com injeção eletrônica, ao retirar o pé do acelerador o sistema corta o envio de combustível aos cilindros, o chamado cut-off. Desta maneira, é possível descer grandes desníveis sem gastar uma gota sequer de combustível. Outro benefício dessa postura é a segurança: usando o freio motor, o motorista ganha uma reserva de segurança no freio de serviço (pelo pedal).
  • Já verificou os filtros?
    Responsáveis por proteger o motor da sujeira externa, os filtros de ar e de combustível devem ser trocados sempre no intervalo recomendado pelo fabricante (ou antes disso, em situações de uso severo, como lugares empoeirados). Se ficarem muito sujos, os filtros perdem eficiência, prejudicando a queima do combustível – e aumentando o consumo.
  • Motor bom é motor quente
    O projeto do motor a combustão faz com que seu melhor rendimento possível seja obtido no ciclo quente – e bota quente nisso, com a temperatura girando entre 97ºC e 103ºC, dependendo do combustível utilizado. Até chegar nesta temperatura, a injeção eletrônica envia mais combustível para os cilindros, para esquentar o bloco mais rapidamente, mas gastando mais combustível. O jeito é esquentar o motor mais rápido. E a melhor maneira para isso não é ligar o carro cinco minutos antes de sair de casa. O melhor método para acelerar o processo de aquecimento é sair com o veículo logo após a partida – mas sempre a baixas rotações, até o motor chegar à sua temperatura ideal.
  • Planeje seu caminho
    Sempre que o carro para, é necessário mais combustível para tirá-lo da inércia novamente. Além disso, manter-se em velocidade constante é mais econômico do que acelerar e frear constantemente. Com isso em mente, planeje sua rota antes de sair de casa. Usar um caminho mais longo, mas com menos semáforos e paradas pode ser mais vantajoso do que optar pela rota mais curta. Procure também evitar subidas íngremes.
  • Toda pressa tem seu preço
    Se você quer aproveitar toda a potência de seu carro e ganhar tempo em seus deslocamentos, saiba que sua conduta prejudicará diretamente o consumo do veículo. Ao acelerar menos em arrancadas ou retomadas, você evita gastos desnecessários de combustível – e chegará à velocidade de cruzeiro poucos segundos após alguém que tenha acelerado mais. Andar em um ritmo mais lento pode ser estranho no início, mas a economia vale a pena. E, no final, todos chegarão ao seu destino da mesma maneira.
 

Dirigindo na chuva

  •  Acenda o farol baixo. Além de melhorar a  visão, o veículo de trás poderá se guiar melhor com as luzes vermelhas e evitar uma colisão. Se estiver em movimento, nunca ligue o pisca alerta. Ele só deve ser acionado quando o carro estiver parado.
  •  Diminua a velocidade e mantenha uma distância mínima de 8 metros do veículo à sua frente.
  •  Não freie bruscamente e nem faça manobras perigosas.
  •  Quando acionar o pára-brisa. Use-o com o esguichador. Mantenha a velocidade do limpador de pára-brisa no mesmo nível que o volume de água. As palhetas devem ser trocadas uma vez por ano e o reservatório deve sempre ter água mesclada com detergente neutro ou aditivos.
  • Quando os vidros começarem a embaçar, passe um pano limpo por dentro do carro. Jamais use as mãos, pois a gordura natural da pele só piora a situação. Tente deixar os vidros uns dois dedos abertos para criar uma circulação de ar. Ligue o ventilador interno ou o ar-condicionado. O carro deve esfriar por dentro para desembaçar os vidros.
  • Se os vidros já estiverem embaçados, o processo é inverso, Ligue o ar quente.
  • Não pense duas vezes antes de parar o carro no acostamento e esperar a chuva diminuir ou passar, mas mantenhas as luzes de sinalização do veículo ligadas. Se possível, pare fora do acostamento em um lugar seguro fora da linha de rolamento da via.

 

 
Banner
Banner
Banner
 
 

Av. Teófilo Tostes, nº 392 - Centro - Manhumirim MG CEP 36970-000 - TelFax: (33) 3341 1261 - janinhoautopecas@yahoo.com.br